Persistente.

Dura ao menos de quatro dias a quatro semanas consecutivas. Facilita o desenvolvimento de resfriados, gripes e sinusite. Está mais associada a pelos de animais, ácaros e alimentos.

.

.

Intermitente.

Manifesta-se por no máximo quatro dias ou menos de quatro semanas seguidas. É conhecida como rinite sazonal, porque costuma estar atrelada à mudança das estações. Por trás das crises geralmente estão mofo e pólen.

.

.

Leve.

A crise é tão branda que não chega a afetar as atividades diárias ou o sono.

.

.

Moderada.

Os sintomas começam a incomodar, abalando o repouso e a rotina.

.

.

Grave.

As crises prejudicam seriamente o descanso e a qualidade de vida.


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *